Imprimir

Fundação João Pinheiro divulga resultados da Tabela de Recursos e Usos e as matrizes Insumo-Produto do Estado e dos Territórios de Desenvolvimento

Data de publicação .

Disponibilizar para o poder executivo e academia informações que viabilizem o desenvolvimento de estudos sobre a interdependência dos setores produtivos da economia de Minas Gerais e seus 17 Territórios de Desenvolvimento. Com esta proposta a Fundação João Pinheiro lançou nesta terça-feira, 6 de novembro, a atualização da TRU/MIP de Minas Gerais e, pela primeira vez, a Matriz de Insumo-Produto para cada um dos 17 Territórios de Desenvolvimento mineiros. 

Parte da série Estatística e Informações, os estudos Tabela de Recursos e Usos / Matriz de Insumo-Produto (TRU/MIP) de Minas Gerais e Matriz de Insumo-Produto dos Territórios de Desenvolvimento de Minas Gerais representam um avanço na geração de indicadores econômicos estaduais e contribuem de forma efetiva para a análise e o planejamento econômico dos setores público e privado. 

Composta pelo mapeamento dos fluxos de oferta e demanda dos bens e serviços e de renda e emprego gerados pelas diversas atividades econômicas, a TRU é uma representação abrangente das operações ocorridas em um espaço e tempo determinados. Já a MIP tem como referência os fluxos entre as diferentes atividades econômicas e a relação destas tanto com a demanda final quanto com a conta de renda e as importações, retratando a economia mineira da maneira mais fiel possível. 

Inovação - A TRU apresenta os principais agregados macroeconômicos de Minas Gerais, primeiro Estado brasileiro a dispor de uma TRU/MIPprópria, elaborada com a mesma metodologia da tabela nacional, estimada pelo IBGE. Com a disponibilização da MIP dos Territórios de Desenvolvimento mineiros, a Fundação João Pinheiro passou a fornecer ao poder Executivo informações que podem subsidiar a tomada de decisão para incentivos setoriais nas economias locais. 

Calculada sob as óticas da produção (desagregação de valores de produção e consumo intermediário/custo de produção de cada atividade), da despesa (consumo de famílias e do governo, o investimento, exportações e importações interestaduais e internacionais) e da renda (repartição da renda gerada entre capital e trabalho), a TRU permite conferir a consistência de diversas fontes de dados, produzidas muitas vezes com finalidades específicas, que não se relacionam diretamente com o objetivo da produção de estatísticas macroeconômicas. 

Territórios de Desenvolvimento - A Matriz Insumo-Produto para os Territórios de Desenvolvimento de Minas Gerais fornece aos gestores públicos dados que viabilizam a análise de possíveis impactos gerados nas variáveis de emprego, renda e produção de 42 setores econômicos, o que possibilita o aperfeiçoamento de planos de desenvolvimento regional. 

A partir da MIP de Minas Gerais, a matriz territorial foi elaborada considerando a estrutura produtiva setorial de cada território construída a partir da metodologia do IBGE de elaboração do Produto Interno Bruto municipal.  

 

 

Assessoria de Comunicação | Fundação João Pinheiro

O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. | www.fjp.mg.gov.br

Informações para a imprensa: (31) 3448-9580 / 3448-9588

Siga a FJP no Twitter: https://twitter.com/_fjp_

Acompanhe a FJP no Facebook: http://www.facebook.com/fjpoficial